Mostrando postagens com marcador música popular brasileira. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador música popular brasileira. Mostrar todas as postagens

terça-feira, 27 de março de 2018

Fui Eu, Fernanda Takai

fernanda takai


Vou tentar não ser repetitivo nesta postagem. Vamos lá: começo com sua beleza e seu carisma;
em seguida, sua meiguice, sua suave e afinada voz e, termino com o encanto que transmite
ao seu público ao interpretar as mais belas canções de nosso universo musical. A obra
de Fernanda Takai prima pelos resgates com novos arranjos que com ternura leva
aos palcos em que se apresenta. Uma de minhas preferidas de seu repertório
é  "Odeon",  autoria de Ernesto Nazareth e Vinícius de Moraes, em ótima
nova roupagem,  onde ela nos brinda com imenso talento.  Apreciem.





Lembro que, nos links apresentados em "links para suas preferências no blog", ao final da postagem, é
possível saber mais sobre este ou outros Artistas, assim como sobre outras Músicas ou ritmos de
sua preferência, em total segurança. Naveguem e descubram o  Brasil  na  Música e na Arte.

carlos miranda (betomelodia) 




É mais um dia sem você mais uma noite que eu espero
Se alguém fez tudo por você porque eu 
Te dei os sonhos que sonhei te imaginei pra vida inteira 
Se alguém fez tudo por você fui eu 

Diz agora o que é que eu faço pra viver
Se a cada dia é mais difícil te esquecer 
Tudo isso faz doer demais
Eu queria só voltar atrás ficar contigo 

Diz agora o que é que eu faço pra aceitar 
Será que existe outra pessoa em meu lugar
Mas o tempo vai te convencer e um dia vai reconhecer 
Que sem mim não pode mais viver 

Sentimento dói por dentro e a solidão não quer parar de machucar 
Sentimento dói por dentro meu coração não quer ninguém no seu lugar

michael sullivan / paulo massadas



fontes
imagens: google - vídeo: youtube - texto: carlos miranda (betomelodia)
base das pesquisas: google

quarta-feira, 21 de março de 2018

Demais, Veronica Sabino

veronica sabino

Ela é compositora e cantora, e filha de Fernando Sabino. Marcou presença aqui no Blog em duas
publicações, a primeira em um belo arranjo de "Garota de Ipanema", a segunda com outro
os clássicos "Você e Eu / Se é Tarde me Perdoa". Seu primeiro sucesso foi com a
versão de Yes It Is dos Beatles feita por Zé Rodrix e Miguel Paiva, Demais,
que ilustra a publicação de hoje em um vídeo original de 1986.  É
a canção  de maior sucesso  na voz de Veronica Sabino.




Lembro que, nos links apresentados em "links para suas preferências no blog", ao final da postagem, é
possível saber mais sobre este ou outros Artistas, assim como sobre outras Músicas ou ritmos de
sua preferência, em total segurança. Naveguem e descubram o  Brasil  na  Música e na Arte.

carlos miranda (betomelodia) 




Foi um vento que passou
Que te trouxe e te levou
Deixando no corpo a marca do amor
Que ficou no ar ilusão luar

A chuva que esse vento traz
Faz com que eu me lembre mais
De todos os sonhos que a gente sonhou
Planejou demais demais

Bem que eu podia tentar te encontrar
Mas um vento forte que me afastou te levou
Te escondeu longe demais

A chuva que esse vento traz
Faz com que eu me lembre mais
De todos os sonhos que a gente sonhou
Planejou demais demais

E cada vento que soprar
Pode te fazer voltar
Encher o vazio que ficou no ar
Me marcou demais me marcou demais


versão por: zé rodrix e miguel paiva de "yes it is", autoria de lennon / mccartney



fontes
imagens: google - vídeo: youtube - texto: carlos miranda (betomelodia)
base das pesquisas: google

quinta-feira, 15 de março de 2018

Vc, o Amor e Eu, Carlinhos Brown e Quésia Luz

carlinhos brown e quésia luz


Nesta postagem, trago de volta ao Blog um dos melhores Músicos de nosso País: Carlinhos Brown.
Já esteve presente em várias páginas e sobre ele, não há necessidade de escrever pois é
reconhecido no Brasil e em muitos países por sua obra na Música. Mas a publicação
de hoje, tem a participação de uma bela baiana de Salvador, Estado da Bahia,
que participou de um famoso programa em uma emissora brasileira,
dona de voz perfeita,  afinada,  com presença nos palcos do
nosso Brasil e de outros países, que classifico como
sensacional, levando ao mundo a cultura e a
beleza de nossa Música: Quésia Luz.




Lembro que, nos links apresentados em "links para suas preferências no blog", ao final da postagem, é
possível saber mais sobre este ou outros Artistas, assim como sobre outras Músicas ou ritmos de
sua preferência, em total segurança. Naveguem e descubram o  Brasil  na  Música e na Arte.

carlos miranda (betomelodia) 




Uma saudade de nós bateu
E o colchão desabou sem tempo
O coração disparou por dentro

Parei no seu movimento depois
Quase explodi por nós dois pra quê
A gente ficar de mau se dói se dói
Quero aquecer ter calor te ter
Sem águas que desaguou embora não sei

Quem de nós dois vai segurar nós três
Será que é ela será que é o mundo

Haverão verão verão verão verões haverão verão verão verão nós
Haverão verão verão verões haverão verão verão verão

Se é amor verdadeiro tem chance
Por existir natural romance
Que o tempo não metralhou foi bom
Foi beijos que desarmou fiquei

Quem de nós dois vai segurar nós três
Será que é ela será que é o mundo

Haverão verão verão verão verões haverão verão verão verão nós
Haverão verão verão verões haverão verão verão verão

Venha ver o sol e o que é seu e viver o mar também
Oromim Má Oromim Má Oromim Má
Muito obrigado por você me amar muito obrigado por você me amar


carlinhos brown



fontes
imagens: google - vídeo: youtube - texto: carlos miranda (betomelodia)
base das pesquisas: google

sexta-feira, 9 de março de 2018

Resposta ao Vento, Sandra Duailibe

sandra duailibe


A publicação de hoje é sobre Sandra Duailibe. Nascida em São Luís, capital do Estado do Maranhão.
É compositora e cantora, , também formada em Odontologia no ano de 1982, profissão por ela
exercida por nove anos.  Mas, para deleite dos amantes da boa Música brasileira, optou
por se dedicar  exclusivamente à sua atual profissão no ano de 2005,  Desde sua
infância a tendência para a Música estava presente,  e foi em Belém, capital
do Estado do Pará,  que aos cinco anos, iniciou sua musicalização com
piano clássico no Conservatório Carlos Gomes.  Resumindo, fez
com sucesso vários shows no Brasil e no exterior, e assim
com sua bela e afinadíssima voz, maestria ao cantar,
simpatia, amor, nos emociona com seu talento.




Lembro que, nos links apresentados em "links para suas preferências no blog", ao final da postagem, é
possível saber mais sobre este ou outros Artistas, assim como sobre outras Músicas ou ritmos de
sua preferência, em total segurança. Naveguem e descubram o  Brasil  na  Música e na Arte.

carlos miranda (betomelodia) 





Batidas na porta da frente é o tempo
Eu bebo um pouquinho pra ter argumento
Mas fico sem jeito calado ele ri
Ele zomba do quanto eu chorei
Porque sabe passar e eu não sei

Um dia azul de verão sinto o vento

Há folhas no meu coração é o tempo
Recordo um amor que perdi ele ri 
Diz que somos iguais se eu notei
Pois não sabe ficar e eu também não sei

E gira em volta de mim sussurra que apaga os caminhos

Que amores terminam no escuro sozinhos

Respondo que ele aprisiona eu liberto

Que ele adormece as paixões eu desperto
E o tempo se rói com inveja de mim
Me vigia querendo aprender
Como eu morro de amor pra tentar reviver

No fundo é uma eterna criança que não soube amadurecer

Eu posso ele não vai poder me esquecer
No fundo é uma eterna criança que não soube amadurecer
Eu posso ele não vai poder me esquecer

aldir blanc / cristovão bastos



fontes
imagens: google - vídeo: youtube - texto: carlos miranda (betomelodia)
base das pesquisas: google

sábado, 3 de março de 2018

N, Nando Reis

nando reis


Abrindo as publicações de Março sobre a Música Brasileira, de volta Nando Reis com sua
composição "N". Nando já esteve poe diversas vezes aqui no Blog desde o ano de
2013, quando então era conhecido por  Nando Cordel.   Apresentava-se nos
palcos com a banda formada por  seus filhos,  e foi sobre essa época
que publiquei duas de suas criações:  "Você Endoideceu Meu

Coração" e Chororô", esta em parceria com Accioly Neto .
São minhas preferidas,  é só clicar no link e ouvir.





Lembro que, nos links apresentados em "links para suas preferências no blog", ao final da postagem, é
possível saber mais sobre este ou outros Artistas, assim como sobre outras Músicas ou ritmos de
sua preferência, em total segurança. Naveguem e descubram o  Brasil  na  Música e na Arte.

carlos miranda (betomelodia) 




 E agora o que eu vou fazer
Se os seus lábios ainda estão molhando os lábios meus
E as lágrimas não secaram com o sol que fez
E agora como eu posso te esquecer
Se o seu cheiro ainda está no travesseiro
E o seu cabelo está enrolado no meu peito

Espero que o tempo passe espero que a semana acabe
Pra que eu possa te ver de novo
Espero que o tempo voe para que você retorne
Pra que eu possa te abraçar e te beijar de novo

E agora como eu passo sem você
Se seu nome está gravado no meu braço como um selo
Nossos nomes que tem o "N N N" como um elo
E agora como eu posso te perder
Se teu corpo ainda guarda o meu prazer
E o meu corpo foi marcado pelo seu

Espero que o tempo passe espero que a semana acabe
Pra que eu possa te ver
Espero que o tempo voe para que você retorne
Pra que eu possa te abraçar

Espero que o tempo passe e que a semana acabe
Pra que eu possa te ver de novo
Espero que o tempo voe e que você retorne
Pra que eu possa te abraçar e te beijar de novo


nando reis



fontes
imagens: google - vídeo: youtube - texto: carlos miranda (betomelodia)
base das pesquisas: google

domingo, 25 de fevereiro de 2018

Sem Cais, Caetano Veloso

caetano veloso


O que mais poderia acrescentar sobre ele, que nasceu na cidade de Santo Amaro, Bahia em 1942 ?
Ele que passeia com elegância em muitos ritmos e estilos na Música, com sua voz e seu violão,
ele que é considerado um dos mais influentes artistas brasileiros, que embora respeitado
é uma das mais polêmicas personalidades na Música Brasileira. Ele, considerado um
dos melhores compositores do século XX comparado a nomes como Bob Dylan,
Bob Marley, John Lennon e Paul McCartney. O que eu poderia acrescentar
sobre ele, eleito pela revista Rolling Stone o 4º maior artista da música
brasileira de todos os tempos pelo conjunto da obra ? Que posso
acrescentar sobre Caetano Emanuel Viana Teles Veloso que
mundialmente conhecido  por Caetano Veloso, que não
seja do conhecimento de todos? Nada, nada mais.


Sendo assim,  só me resta  publicar  os vídeos de
meus  arquivos  pessoais,  o que agora  faço com a sua
composição, parceria com Pedro Sá, Sem Cais, que acredito
ser uma homenagem ao Rio de Janeiro e suas maravilhosas praias.




Lembro que, nos links apresentados em "links para suas preferências no blog", ao final da postagem, é
possível saber mais sobre este ou outros Artistas, assim como sobre outras Músicas ou ritmos de
sua preferência, em total segurança. Naveguem e descubram o  Brasil  na  Música e na Arte.

carlos miranda (betomelodia) 




Catei colo e o mar parou fui deitando pra perguntar
Nome bairro amigo amor de onde venho parar o mar
Seu sorriso bateu aqui inda posso me apaixonar

Quero tanto quero tanto quero tanto quero tanto você
Mar aberto mar adentro mar intenso mar imenso sem cais
Tô com medo tô com medo tô com medo tô com medo de ver
Qu'inda posso qu'inda posso qu'inda posso qu'inda posso Ir bem mais

Barra Gávea e Arpoador deuses brancos de luz do mar
Deuses negros um esplendor quem é essa e o que será
Quem me dera eu poder me dar todo a essa que eu nunca vi

Quero tanto quero tanto quero tanto quero tanto você
Mar aberto mar adentro mar intenso mar imenso sem cais
Tô com medo tô com medo tô com medo tô com medo de ver
Qu'inda posso qu'inda posso qu'inda posso qu'inda posso Ir bem mais


caetano veloso / pedro sá




fontes
imagens: google - vídeo: youtube - texto: carlos miranda (betomelodia)
base das pesquisas: google

segunda-feira, 19 de fevereiro de 2018

Cordeiro de Nanã, Mateus Aleluia, Dadinho, Thalma de Freitas

mateus aleluia e thalma de freitas


Trago na publicação de hoje, uma grata surpresa para mim, dois compositores de muito talento e uma
Atriz que na  Música impressionou-me pela afinação, voz e domínio de palco, interpretando com
maestria a composição Cordeiro de Nanâ.  Pouco consegui sobre os compositores, mas o
lugar de destaque no  Blog  está garantido, pela letra e a  nostálgica  linha melódica.

A beleza de Thalma e da "back vocal", a voz de Mateus, e a semelhança
com o ator Morgan Freeman que Dadinho aparenta, tudo chamou
minha atenção  para a beleza do vídeo que ilustra a página.




Lembro que, nos links apresentados em "links para suas preferências no blog", ao final da postagem, é
possível saber mais sobre este ou outros Artistas, assim como sobre outras Músicas ou ritmos de
sua preferência, em total segurança. Naveguem e descubram o  Brasil  na  Música e na Arte.

carlos miranda (betomelodia) 




Fui chamado de cordeiro mas não sou cordeiro não
Preferi ficar calado que falar e levar não
O meu silêncio é uma singela oração à minha Santa de Fé

Meu cantar me deu as forças que sustentam meu viver
Meu cantar é uma apelo que eu faço à Nanã-ê

Sou de Nanã-ê uá ê uá ê uá ê
Sou de Nanã-ê uá ê uá ê uá ê
Sou de Nanã-ê uá ê uá ê uá ê

O que peço no momento é silêncio e atenção
Quero contar sofrimento que passamos sem razão
O meu lamento se criou na escravidão que forçado passei

Eu chorei sofri as duras dores da humilhação
Mas ganhei pois eu trazia Nanã-ê no coração

Sou de Nanã-ê uá ê uá ê uá ê
Sou de Nanã-ê uá ê uá ê uá ê
Sou de Nanã-ê uá ê uá ê uá ê


mateus aleluia / dadinho



fontes
imagens: google - vídeo: youtube - texto: carlos miranda (betomelodia)
base das pesquisas: google

quarta-feira, 7 de fevereiro de 2018

Cigano, Djavan

djavan

De volta ao Blog, aquele compositor e intérprete que dispensa apresentações, tanto aqui no Brasil
quanto nas demais Nações de nosso belo planeta:  Djavan Caetano Viana, para o mundo da
Música,  apenas Djavan.  Produtor musical e exímio violonista, suas composições e
interpretações tem uma característica pessoal, que trazem "cor" às mesmas.





Lembro que, nos links apresentados em "links para suas preferências no blog", ao final da postagem, é
possível saber mais sobre este ou outros Artistas, assim como sobre outras Músicas ou ritmos de
sua preferência, em total segurança. Naveguem e descubram o  Brasil  na  Música e na Arte.

carlos miranda (betomelodia) 




Te querer viver mais pra ser exato
Te seguir e poder chegar onde tudo é só meu
Te encontrar dar a cara pro teu beijo
Correr atrás de ti feito cigano
Cigano cigano me jogar sem medir

Viajar entre pernas e delícias
Conhecer pra notícias dar devassar sua vida
Resistir ao que pode o pensamento
Saber chegar no seu melhor momento
Momento momento pra ficar e ficar

Juntos dentro horas tudo ali às claras
Deixar crescer até romper a manhã
Como o mar está sereno olha lá
As gaivotas já vão deixar suas ilhas
Veja o Sol é demais esta cidade

A gente vai ter um dia de calor


djavan



fontes
imagens: google - vídeo: youtube - texto: carlos miranda (betomelodia)
base das pesquisas: google

quinta-feira, 1 de fevereiro de 2018

Geni e o Zepelim, Letícia Sabatella em Magnífica Interpretação

letícia sabatella


Confesso não curtir muito o compositor e cantor Chico Buarque e suas composições mais recentes,
mas aprecio algumas de suas criações em seu início de carreira.  Destaco quatro de suas
composições que estão aqui no  Blog:  "Carolina" na voz de Caetano Veloso, em
uma edição de vídeo de Ivanete Souza "Valsinha", "Retrato em Branco

e Pretocom Pery Ribeiro, e "Homenagem ao Malandro" com o
Quarteto do Rio, que foram parte de  meu repertório.

Mas agora, vamos falar sobre a  Atriz  que em minha
modesta opinião dá um show de interpretação na composição do
Chico na Música  Geni e o Zepelim  no espetáculo  Alma Boa De Lugar
Nenhum, de Carlos Careqa, em 2011 na cidade de Porto Alegre.  A Música em
destaque fez parte do musical  Ópera do Malandro  lançada no ano de 1978, autoria de
Chico Buarque de Holanda, letra retratando a "malandragem brasileira", conceitos que se tornam
alvos de execração pública em determinadas "circunstâncias políticas", sociais, e principalmente, as morais


Milhões de aplausos à Letícia Sabatella por sua excelente performance.




Lembro que, nos links apresentados em "links para suas preferências no blog", ao final da postagem, é
possível saber mais sobre este ou outros Artistas, assim como sobre outras Músicas ou ritmos de
sua preferência, em total segurança. Naveguem e descubram o  Brasil  na  Música e na Arte.

carlos miranda (betomelodia) 




De tudo que é nego torto do mangue e do cais do porto ela já foi namorada
O seu corpo é dos errantes dos cegos dos retirantes é de quem não tem mais nada
Dá-se assim desde menina na garagem na cantina atrás do tanque no mato
É a rainha dos detentos das loucas dos lazarentos dos moleques do internato
E também vai amiúde co'os velhinhos sem saúde e as viúvas sem porvir
Ela é um poço de bondade e é por isso que a cidade vive sempre a repetir

Joga pedra na Geni joga bosta na Geni ela é feita pra apanhar
Ela é boa de cuspir ela dá pra qualquer um maldita Geni

Um dia surgiu brilhante entre as nuvens flutuante um enorme zepelim
Pairou sobre os edifícios abriu dois mil orifícios com dois mil canhões assim
A cidade apavorada se quedou paralisada pronta pra virar geleia
Mas do zepelim gigante desceu o seu comandante dizendo mudei de ideia
Quando vi nesta cidade tanto horror e iniquidade resolvi tudo explodir
Mas posso evitar o drama se aquela formosa dama esta noite me servir

Essa dama era Geni mas não pode ser Geni ela é feita pra apanhar
Ela é boa de cuspir ela dá pra qualquer um maldita Geni
Mas de fato logo ela tão coitada e tão singela cativara o forasteiro
Um guerreiro tão vistoso tão temido e poderoso era dela prisioneiro
Acontece que a donzela e isso era segredo dela também tinha seus caprichos
E ao deitar com homem tão nobre tão cheirando a brilho e a cobre preferia amar com os bichos

Ao ouvir tal heresia a cidade em romaria foi beijar a sua mão
O prefeito de joelhos o bispo de olhos vermelhos e o banqueiro com um milhão
Vai com ele vai Geni vai com ele vai Geni você pode nos salvar
Você vai nos redimir você dá pra qualquer um bendita Geni
Foram tantos os pedidos tão sinceros tão sentidos que ela dominou seu asco
Nessa noite lancinante entregou-se a tal amante como quem dá-se ao carrasco

Ele fez tanta sujeira lambuzou-se a noite inteira até ficar saciado
E nem bem amanhecia partiu numa nuvem fria com seu zepelim prateado
Num suspiro aliviado ela se virou de lado e tentou até sorrir
Mas logo raiou o dia e a cidade em cantoria não deixou ela dormir...

Joga pedra na Geni joga bosta na Geni ela é feita pra apanhar
Ela é boa de cuspir ela dá pra qualquer um maldita Geni


chico buarque



fontes
imagens: google - vídeo: youtube - texto: carlos miranda (betomelodia)
base das pesquisas: google

sexta-feira, 29 de dezembro de 2017

E Vamos Lá, com Joyce Moreno e João Donato

joyce moreno


Encerrando as publicações sobre a Música Brasileira no ano de 2017, mais uma vez destaco aquela
cantora, compositora, instrumentista,  que em minha opinião  é uma das mais belas vozes do
nosso universo musical:  Joyce Moreno,  que brinca em seus cantares com o melhor de
nossa Música.  Foi destaque em 30 de Setembro de 2017, cantando a composição
"Sambou Sambou", autoria de João Donato e João Mello. Sei que apreciarão.





Lembro que, nos links apresentados em "links para suas preferências no blog", ao final da postagem, é
possível saber mais sobre este ou outros Artistas, assim como sobre outras Músicas ou ritmos de
sua preferência, em total segurança. Naveguem e descubram o  Brasil  na  Música e na Arte.

carlos miranda (betomelodia) 




Ah, já mandei encomendar nosso cantinho
Um lugar só pra nós dois bem no jeitinho
Tão bonito com janelas para o mar

Já fiz meu rancho lá na beira do caminho
Numa estrada onde tem tanto passarinho
Que eu nem sei se é bem-te-vi ou sabiá

Lá quando a noite for chegando de mansinho
Vá preparando nossa rede com carinho

Ah, vai ser bom quando chegar a primavera
Nos dizendo que afinal valeu a espera
Deixa o tempo sem vontade de passar

E vamos lá


joão donato / joyce moreno



fontes
imagens: google - vídeo: youtube - texto: carlos miranda (betomelodia)
base das pesquisas: google